Visite nossas redes sociais

Saiba como utilizar o benchmarking para otimizar sua empresa!

eSe você está começando uma empresa ou quer transformar o seu negócio, é preciso investir em análise e pesquisa. Além de conhecer o seu público-alvo, definir um objetivo e elaborar as estratégias de comunicação e gestão de negócios, é fundamental ficar de olho na concorrência e, para isso, temos o benchmarking.

Avaliar os concorrentes e empresas do seu segmento que não são concorrentes diretos te ajudará a entender onde a sua empresa está, o que o seu mercado está fazendo, o que o público está esperando e, a partir daí, encontrar as alternativas mais interessantes para colocar em ação.

Uma das formas de fazer esse levantamento de dados e encontrar informações valiosas que vão te ajudar a transformar o seu negócio é o benchmarking. Você sabe o que é e como funciona? Continue a leitura!

O que é benchmarking?

O benchmarking é uma estratégia que visa pesquisar, levantar e analisar dados a respeito do seu mercado de atuação, permitindo que os empresários e gestores consigam identificar quais processos e métodos têm sido mais eficientes no dia a dia.

Portanto, se você está montando uma empresa ou percebeu a necessidade de modernizar o seu negócio, essa pode ser uma boa alternativa para encontrar referências e possíveis novas estratégias para aplicar.

O benchmarking permite que as empresas analisem diversos fatores. Tudo vai depender da necessidade e das demandas da empresa. No entanto, existem áreas que são comumente analisadas pelos empresários durante o benchmarking. São elas: métodos para redução de custos, processos otimizados, gestão de qualidade, gestão de tempo, aumento da produtividade, atendimento ao cliente e fidelização de consumidores.

No entanto, claro que você não precisa se prender a essas alternativas: identifique quais são os gargalos da sua empresa e, a partir daí, saberá exatamente o que precisa ser avaliado.

O benchmarking permitirá que você compare a sua empresa e sua performance com as melhores referências do mercado para essa área de atuação, podendo essas referências serem concorrentes diretos ou indiretos.

Muitas empresas podem torcer o nariz para a possibilidade de ter que acompanhar a concorrência. Mas, no fundo, é um fato: podemos (e devemos) aprender bastante com os concorrentes e outras empresas do mercado.

Qual a importância de fazer benchmarking?

O benchmarking é fundamental para que as empresas consigam ter insights valiosos para a otimização das rotinas. A evolução constante dos negócios é o que ajudará a empresa a se manter competitiva no mercado, sustentável e não cair em obsolescência.

Isso porque, quando você realiza um bom benchmarking e consegue identificar dados importantes em outros negócios, é possível avaliar quais estratégias:

  •  não estão dando resultados ou estão ultrapassadas
  • podem te ajudar a aumentar as vendas;
  • podem melhorar a fidelização de clientes;
  • são os possíveis novos produtos ou serviços para oferecer;
  • são os processos internos que estão prejudicando seus resultados;
  • são as tendências do setor sobre as quais você ainda não tinha tido conhecimento.

Apesar de ser fundamental focarmos no nosso mercado e na nossa realidade, lembre-se de que as empresas de outros países podem ser muito valiosas para dar insights e apresentar novas possibilidades. No entanto, é preciso ter cuidado e reavaliar se a aplicação poderia ser a mesma na sua empresa, visto as divergências culturais e de hábitos de consumo nesses contextos.

Como fazer o benchmarking?

O benchmarking pode trazer diversos benefícios para as empresas, como vimos anteriormente. Mas, para isso, é necessário fazer todas as ações com muito cuidado e muito foco, para identificar os dados mais relevantes e saber trabalhá-los de forma estratégica.

Faça uma análise interna

O primeiro passo para começar a sua estratégia de benchmarking é começar analisando de forma imparcial e com muito cuidado a sua própria empresa. Avalie como está o seu negócio atualmente, com uma visão que englobe todas as áreas e todos os detalhes da sua empresa.

Dessa forma, acompanhar o seu negócio de dentro para fora permitirá que você consiga descobrir quais são os seus gargalos, erros e acertos ao longo de toda a rotina da empresa.

Então, quando você identificar os problemas, será mais fácil estabelecer quais fatores precisam ser avaliados.

Selecione os concorrentes

O próximo passo é selecionar os concorrentes. Nesse momento, é importante que você avalie o seu mercado e identifique quais são as grandes referências. Veja quais são aquelas empresas mais significativas e que causam mais impacto no seu mercado.

Assim, avalie também aquelas empresas que estão no mesmo nível que você.

Por fim, identifique quais são as duas ou três empresas de maior referência para o seu negócio, e deixe definido que essas serão utilizadas nos estudos que serão feitos no próximo passo.

Estabeleça indicadores

Depois de definir quais delas são as principais referências para a sua empresa, é hora de fazer uma pesquisa mais aprofundada e detalhada a respeito desses negócios.

Sendo assim, com essa observação, você conseguirá identificar alguns dados relevantes a respeito da performance dos concorrentes. A partir dessas informações, você poderá fazer uma análise estratégia para identificar possíveis otimizações dentro do seu negócio.

Obtenha dados

Uma vez que você começou a analisar os dados, é hora de reuni-los para ter uma visão muito mais clara do que está acontecendo e o que você pode fazer com essas informações.

Compare os dados levantados na análise de concorrentes e avalie também aquelas informações que foram levantadas quando foi realizada a análise interna.

Assim, com essa comparação, você poderá identificar o que está fazendo de errado dentro da empresa e o que pode ser melhorado nos próximos meses, por meio de ações diferenciadas no dia a dia do negócio.

Coloque o que aprendeu em prática

Comparação feita entre a realidade da sua empresa e as maiores referências do mercado, é hora de colocar tudo o que foi aprendido em prática.

Depois disso, avalie quais são ações tomar e, então, estruture um plano de ação para conseguir executar cada passo.

Um dos benefícios mais marcantes do benchmarking é a possibilidade de enxergar possíveis melhorias no seu empreendimento e transformar a realidade da empresa. Com otimizações estratégicas, as chances de a sua empresa crescer de forma sustentável e definitiva é imensa!

Gostou dessas informações a respeito do tema? Que tal aprender mais sobre isso? Confira nosso artigo sobre marketing de resultados!

INSCREVA-SE
NA NEWSLETTER

Receba todas as novidades

Traço Negócios

Siga-nos no Instagram

Fale Conosco!

    Traço Negócios

    Avenida T-3 N.º 2115 – St.Bueno,
    Goiânia – GO, 74210-245.

    © Copyright 2023 | Traço Negócios – Todos os direitos reservados. CNPJ: 44.016.639/0001-30 Razão social: Traço Negócios